Arquivo da categoria: Uncategorized

UM ARTISTA DE QUADRINHOS PODE COPIAR OS OUTROS??

COPIAR FAZ PARTE !
Todo desenhista de quadrinhos passou pela fase de desejar criar seus próprios personagens e histórias, mesmo tendo de enfrentar um gigantesco problema: COMO SUPERAR O FATO DE NÃO SABER DESENHAR?
Chegamos então ao tema deste artigo, ou seja, para ultrapassar esta barreira, o jovem criador, busca soluções nos traços de outros quadrinhistas profissionais e mais experientes. Começamos então a caçar imagens que sirvam para resolver nossa falta de habilidade com os traços, procurando nas muitas revistas que temos, em imagens de internet etc…
Este recurso, para alguns, especialmente para os que não consideram os quadrinhos nacionais como uma expressão artística de igual valor aos quadrinhos feitos no exterior, é mais do que o suficiente para começar todo um rosário de lamúrias sobre a suposta falta de qualidade de nossas hqs, isso porém não é verdade e é um raciocínio bem tosco sobre nossas histórias e personagens. Pensamento este, que eu, vergonhosamente já compartilhei, e que por isso mesmo, hoje em dia, tendo revisto meus conceitos, busco rebater.
Eu mesmo parti para este recurso, quando percebi que gostaria de fazer minhas próprias hqs. Hoje, tenho apenas duas páginas de uma hq de Tarzan, feita por mim, por volta dos 11 anos, onde misturo desenhos meus (toscos é verdade) com os de meus mestres nos quadrinhos do homem macaco, Russ Manning e Joe Kubert!
É uma salada artística, mas resolvia.
As redes sociais facilitaram muito a nossa vida, e pra mim, ajudou muito a aprender mais sobre a arte de fazer uma hq, e sobre a indústria dos quadrinhos. Sobre a luta dos desenhistas para produzir uma hq, que mexa com o leitor, mesmo quando o artista ainda não é, e ás vezes jamais será, um verdadeiro mestre nos desenhos.
De um tempo para cá, vi várias postagens sobre artistas conceituados, e outros menos conhecidos, copiando, mas copiando mesmo, a arte de outros desenhistas, fazendo trabalhos que rodaram o mundo, foram publicados no papel e virtualmente, e mandaram ver…publicaram sim e daí?
Muitos confundem copiar, com plagiar.

13598_737689762968976_2063543401023144841_n

10406870_737690102968942_3414551495037813544_n

Nestas imagens, vemos um mestre como ALEX RAYMOND, sendo copiado por outros dois desenhistas menos inspirados, e de qualidade inferior. Não só o Raymond, como MILTON CANNIF, também foi copiado à exaustão, por vários desenhistas.

Compreendam que não estou defendendo que ninguém faça seu nome sobre o trabalho de outros, não é isso! Defendo apenas que muitos criadores, não tem a mesma técnica, ou habilidades que outros artistas e procuram resolver suas deficiências usando este recurso. E vejam bem: se ele tem habilidade para copiar, teria também para CRIAR! Ou seja, o que há é apenas, no caso dos mais honestos creio eu, uma falta de habilidade temporária, que com o passar do tempo, será solucionada, com a prática.
Não é verdade que um exercício que muitos artistas iniciantes fazem nos grandes museus e galerias do mundo é o de copiar os mestres da história da arte? Quanto mais você copia, mais exercita a mente para guardar, armazenar, as posturas, expressões, e movimentos da complexa figura humana. Quanto mais seu cérebro exercitar as mãos, copiando e copiando, mais a mente guardará isso e acabará por usar estas informações no futuro.
Infelizmente, alguns são preguiçosos demais para tentar fazer sua própria arte e se acostumam com copiar e é aqui que coloco a diferença entre copiar porque não se tem recursos técnicos para criar e copiar apenas por preguiça de criar, tornando-se então plágio da arte de outro.

10258456_737690669635552_8271400687873288637_n

10606090_737690222968930_8488577758322323521_n

10622841_737691002968852_5297234147001942062_n

1653826_737689856302300_7809990125732041162_n

10644950_737690539635565_2981728137806015895_n
Por isso, entendo que artistas reconhecidos hoje como nomes maiores das hqs mundiais, como BOB KANE, que de fato tinha um desenho primário, fizeram uso deste recurso de copiar, como é o caso da emblemática figura de Batman sobre um edifício, idêntica à imagem de Tarzan feita pelo, este sim genial, HAL FOSTER.
Kane copiou? Vendo as imagens, é muito difícil acreditar que não.

10370887_737841546287131_8574659520496825309_n

10308263_699873650072998_8156295048588485632_n

Vendo esta imagem acima, notamos que o PRÍNCIPE VALENTE, obra máxima de HAL FOSTER, tem imagens de uma perfeição fotográfica, tanto que artistas usaram estas imagens para criar telas à óleo, como a do cowboy descendo uma colina. Quem vendo a imagem do quadro, considerado um tipo de arte superior, e mais refinada, iria supor que havia sido baseada na arte de um “simples desenhista de quadrinhos”??

HAL FOSTER VS FRANK FRAZETTA

Aqui um exemplo de dois grandes mestres dos quadrinhos, HAL FOSTER fez esta arte em preto e branco para a primeira edição de TARZAN, anos depois “inspiraria” esta outra arte de FRANK FRAZETTA. Teria Frazetta copiado o Tarzan, ou a imagem teria apenas inspirado o artista? Mesmo sendo cópia, o que não é claro, alguém desacredita um Frazetta? Não teria sido uma homenagem ao mestre Foster?
Vejamos agora, Hal Foster e Sy Barry:

10170776_561072134012578_3675209548745808695_n
A arte de Hal Foster neste exemplo acima, mostra que copiar faz mesmo parte de criar hqs, pois a cena de Valente, lutando no convés de um navio é perfeita para mostrar as aventuras de outro grande herói, o FANTASMA, aqui no traço de SY BARRY, e que não se fez de rogado ao basear a sua cena, na de Hal, mais de uma vez diga-se de passagem. Sy Barry plagiou? Ou mesmo tendo recursos técnicos, preferiu homenagear uma cena que ele achava perfeita?

Por que torcer o nariz ao que desenhistas nacionais fizeram no passado, e talvez até façam hoje, quando isso é um recurso usado por muitos no exterior? Vemos muito disso, nos quadrinhos independentes, onde artistas sem formação superior em artes, mas com inclinação para o desenho, buscam contar suas histórias, e precisam de orientações, que buscam exatamente nos “manuais” que estão à mão, ou seja, suas coleções de quadrinhos!

10468349_737691079635511_7053289482361630482_n

10593148_737690602968892_2027212316421486260_n

Acima e abaixo vemos muitas imagens de ALEX RAYMOND, copiadas para hqs do GAVIÃO NEGRO. Eu já vi várias imagens, nos livros de Monteiro Lobato, onde ANDRÉ LEBLANC, copiou Alex Raymond, do mesmo modo como mostrado aqui, para fazer Os Doze Trabalhos de Hércules com a turma do Sítio do Pica Pau Amarelo, baseado nos desenhos para Flash Gordon, tenho estes livros até hoje.

10600615_737688262969126_6343088143324007103_n

10659269_737689982968954_4427610401884746614_n

524873_107851142720284_1596361537_n

A página acima, é de uma edição de RAIO NEGRO, de Gedeone Malagola, não sei se o desenhista foi Gedeone, mas eu tive uma edição ALMANAQUE BATMAN, se não me engano de 1972, onde uma hq de apresentação de BATGIRL, com a arte de CARMINE INFANTINO, e pelo menos dois quadrinhos desta página são copiados da arte dele, BATMAN e ROBIN enfrentam o Mariposa Matadora, e seus asseclas, o terceiro quadrinho e o último, são cópias.
Isso desacredita nosso artista? Para mim, de modo algum isso acontece.

10659247_10203317521351207_5193419623999547022_n

Acima temos uma página do FLAMA, criação máxima de DEODATO TAUMATURGO BORGES, artista e radialista que criou não só o personagem mas seu programa de rádio, e nesta imagem, infelizmente cortada pela metade, o FLAMA dispara sua arma, (no alto) é uma imagem tirada das aventuras de Flash Gordon, álbum que tenho, e se não me engano, o herói americano atira em um dragão.

10398023_914009525294678_7941032199978664045_n

Aqui acima temos mais um exemplo de que muitas vezes, artistas precisam fazer uso de imagens de outros para solucionar suas necessidades, e assim contar suas hqs, é o caso desta salvamento feito pelo FLAMA, onde o desenho original é de ALEX RAYMOND e seu Flash Gordon.
Assim, é mais do que comum e esperado que artistas nacionais tenham seus momentos de “inspiração” em grandes artistas mundiais, estas imagens de GEDEONE MALAGOLA, e de DEODATO BORGES, pai de Mike Deodato, que para criar suas hqs, hoje icônicas, do RAIO NEGRO e do FLAMA, se basearam nos desenhos de CARMINE INFANTINO e ALEX RAYMOND, estes e outros heróis da história dos quadrinhos nacionais, mesclaram desenhos seus, com os copiados de outros, de modo que para terminar, afirmo e pergunto: EU JÁ COPIEI E APRENDI ASSIM, E DAÍ????

Anúncios

RAIO NEGRO é igual ao Superman e ao Homem Aranha!

Quando conheci quadrinhos, fui logo fisgado pelos personagens, seus visuais aventuras vibrantes e este primeiro contato, foi logo com os heróis americanos, Superman, Batman, Capitão América, Namor, Hulk etc…

AUma linda capa, com a arte inocente dos anos 60, com os heróis de Gedeone Malagola.
Uma linda capa, com a arte inocente dos anos 60, com os heróis de Gedeone Malagola.

Ao conhecer os heróis nacionais, e RAIO NEGRO foi o primeiro deles, torci logo o nariz, já que estava acostumado com os heróis de fora, com aventuras mirabolantes, cores incríveis, vilões fantásticos e numa variedade enorme, enquanto que o RAIO NEGRO, era em preto e branco, e com desenhos que, desculpem dizer, deixava a desejar…foi uma decepção!

Passados alguns anos, durante os quais sempre torcia o nariz para quadrinhos nacionais, especialmente de super heróis, eu não dava a menor chance para os representantes brasileiros desta categoria, me surpreendi admirando aqueles heróis desconhecidos.

Esta capa foi recentemente tema de uma campanha promovida pelo amigo LANCELOTT MARTINS, para que vários artistas a refizessem, cada um no seu estilo.

Esta capa foi recentemente tema de uma campanha promovida pelo amigo LANCELOTT MARTINS, para que vários artistas a refizessem, cada um no seu estilo.

Mas como podia ser?? Eu que amava os quadrinhos de fora, com todas suas qualidades, curtir aqueles quadrinhos desaparecidos, com desenhos toscos, e que pareciam não ter sido capazes de se manter vivos ao longo dos anos?

Pois reside justamente aí, na minha opinião, a maior magia destes super heróis nacionais…é como se eles tivessem sido jogados no limbo, uma dimensão paralela, lançados lá por algum vilão terrível, e que só agora, eu e outros, estavamos tendo acesso e descobrindo que nosso universo de super seres é tão ou maior que os de fora!

Uma linda capa onde vi que nosso herói é mesmo  poderoso, pois está no espaço enfrentando seres de outro planeta ou dimensão.

Uma linda capa onde vi que nosso herói é mesmo poderoso, pois está no espaço enfrentando seres de outro planeta ou dimensão.

Se muito não me engano, e por favor me corrijam se a informação estiver errada, RAIO NEGRO chegou a contabilizar em seu auge, UM MILHÃO de exemplares vendidos aqui no Brasil! Meu Deus…onde eu estava nessa época?? Creio que era tão pequeno que nem sabia deste nosso universo…bem, agora é tempo de rever esta injustiça para comigo, pois é um pecado não me dar a chance de conhecer tudo o que nossos heróis enfrentaram naquela época.

Mas será que eles podem voltar a agir em nossos dias? Eu depois de muito matutar, decidi que faria minha parte, em tentar revitalizá-los, e resolvi fazer um fanzine, o meu primeiro, homenageando as criações de mestre GEDEONE MALAGOLA, um criador de quadrinhos nacionais, que deve ser reverenciado por todos nós como fazemos com os lá de fora.

Esta imagem é para aqueles que acham que tudo o que se cria lá fora é original, e que nós só copiamos, pois CICLOPE veio daí. Do herói SOLAR.

Esta imagem é para aqueles que acham que tudo o que se cria lá fora é original, e que nós só copiamos, pois CICLOPE veio daí. Do herói SOLAR.

Bem, para concluir este papo, deixo aqui o desafio, para todos, não torça o nariz para os super heróis, ou heróis nacionais, especialmente para os do meio independente, pois fiz isso por muitos anos e me arrependo amargamente, mas agora eu mesmo faço parte, orgulhosamente deste meio, e espero poder contribuir para trazê-lo de volta à vida, o mais rápido e do melhor modo possível.

Uma das maiores alegrias que tive foi saber que esta hq teve 400 downloads!

Uma das maiores alegrias que tive foi saber que esta hq teve 400 downloads!

POR QUE FAZER QUADRINHOS BRASILEIROS?

Página 1 da primeira hq virtual do CAPITÃO ALFA, publicada no ZINE BRASIL em 2007.

Página 1 da primeira hq virtual do CAPITÃO ALFA, publicada no ZINE BRASIL em 2007.

  Em primeiro lugar, porque é isso que amamos fazer! Simples assim! Mas também, porque podemos mostrar que esse meio artístico tem grandes nomes, grandes idéias, e todo um universo a ser explorado. 

Claro que existirão aqueles que vão cair matando sobre o que fazemos, dizendo que não temos idéias originais, heróis originais, inovadores, etc,etc…

Mas sinceramente, quem pode falar em originalidade sobre quadrinhos, literatura, tv, cinema e outras formas de expressão artística hoje em dia?? Qual o criador hoje, que não se espelhou em algo que já viu e apreciou um dia, seja um seriado, um livro, quadrinhos ou grande filme no cinema?

Por isso, tenho a certeza que todos nós, que curtimos quadrinhos, desejamos escrever nossos roteiros, ou desenhar nossos personagens, precisamos fazer isso sem medo do que outros possam pensar ou comentar. Afinal, a história de grandes editoras de quadrinhos, e vou citar apenas a DC COMICS e a MARVEL não é feita só de sucessos, mas não é mesmo! 

Vejam o caso do Homem Aranha, que quando foi apresentado por Stan Lee, foi prontamente rejeitado, pois quem, iria curtir, admirar e imitar um adolescente magrelo, nerd que sobe pelas paredes como um inseto nojento?????

Chegamos então àquele momento fatídico na vida de todo e qualquer artista de quadrinhos, quando ele se depara com o dilema: MOSTRO O QUE CRIEI ou ESCONDO PORQUE ACHO QUE NINGUÉM JAMAIS VAI GOSTAR DISSO?

Eu tomo como exemplo o modo de STAN LEE agir ao criar personagens, e um cara que curto muito, o ERIK LARSEN, criador do SAVAGE DRAGON, personagem que curto demais…ou seja, CURTA O QUE VOCÊ CRIOU! Mostre, e seja feliz, afinal o que pode acontecer com sua hq ou personagem? Desagradar alguns?? Mas já pensou em quantos ele vai AGRADAR? Quantos vão elogiar, curtir e até quem sabe imitar? Nossa vida inteira, e não só nos quadrinhos, não é feita de sucessos, mas de fracassos e dúvidas, o importante não é parar quando confrontados com eles, mas sim aprender deles e refazer suas idéias, mas NUNCA DEIXAR DE CRIAR.

É uma necessidade nossa, do criador de quadrinhos, mostrar esse mundo que só ele conhece, e deixar de fazer isso, pelo menos para mim, e acredito para a maioria, é frustrante, por isso mesmo, deixei de lado toda e qualquer vergonha e decidi não só fazer, mas SEMPRE mostrar o que curto e faço: HISTÓRIAS EM QUADRINHOS!

A CHAVE HQ PUBLICADA NO 24 HORAS DE QUADRINHOS DO RECIFE

Uma das melhores ilustrações que já fiz foi a capa dessa hq.

Uma das melhores ilustrações que já fiz foi a capa dessa hq.

Amigos, quando resolvi aceitar o desafio de participar do RECIFE 24 HORAS DE QUADRINHOS, jamais imaginei que seria tão duro fazer uma hq com 24 páginas desenhadas, artefinalizadas e com texto,  tendo recebido o tema na hora em que chegamos, achei que não conseguiria terminar.

Alguns amigos que participaram junto comigo, simplesmente cairam no sono, vencidos pelo cansaço, pois viramos a noite trabalhando, e acabaram só vendo outros terminarem suas histórias, exaustos e com as mãos endurecidas e exaustos.

Lembro que pedi para tocarem a musica tema de SUPERMAN, pois foi uma supertarefa, realmente difícil mas muito, muito gratificante. A hq foi publicada com o apoio da Prefeitura do Recife, e vendida e distribuída para várias pessoas. Muitos me cumprimentaram pelo tom humano da história. coisa que de fato busquei colocar no roteiro, e que agora compartilho com vcs todos.

Espero que curtam tanto qto eu, grande abraço e comentem!PÁGINA 1

 

PÁGINA 2

PÁGINA 3PÁGINA 4PÁGINA 5PÁGINA 6PÁGINA 7PÁGINA 8PÁGINA 9PÁGINA 10PÁGINA 11PÁGINA 12PÁGINA 13PÁGINA 14PÁGINA 15PÁGINA 16PÁGINA 17PÁGINA 18PÁGINA 19PÁGINA 20PÁGINA 21PÁGINA 22PÁGINA 23PÁGINA 24esboços para capa

 

COMO É DIFÍCIL CRIAR PERSONAGENS DE QUADRINHOS!!

Quando pensei no tema desse post, procurei falar de um novo assunto, mas sem fugir muito do tema do post anterior, pois como comentei no Face, este deveria ser, de algum modo, uma continuação.

Não é incomum lá fora, quando um autor não consegue autorização para fazer um encontro entre superseres ou supergrupos de editoras rivais, driblar essa dificuldade com um estratagema simples, mas em muitos casos, não só eficiente, como bastante criativo, com resultados imprevisíveis!

Usando um exemplo famoso, temos o encontro da LJA contra os VINGADORES, que durante anos ficou engavetado por várias dificuldades. Isso não impediu que  a Marvel criasse sua versão da LJA, chamado de ESQUADRÃO SUPREMO com equivalentes de cada personagem que compunha a LIGA.

O mesmo se deu com INVENCÍVEL de Robert Kirkman e Cory Walker, ao criarem uma paródia da LJA, batizados de GUARDIÕES GLOBAIS, ou mesmo o inventivo Erik Larsen  que quando criou SAVAGE DRAGON, criou também todo um universo de sósias para os heróis Marvel e DC.

Agora chegando aos nossos universos tão variados de superheróis nacionais…existe realmente um panteão de seres que povoam a mente dos criadores e leitores nacionais, infelizmente a maioria pouco conhecidos, ou até mesmo aqueles que jamais passarão de apenas idéias nunca levadas adiante.

Mas havendo um boom criativo tão grande, e há mesmo, é quase impossível criar seres totalmente originais. Infelizmente há aqueles que os criam copiando descaradamente outros personagens e há também as coincidências e o que chamo de homenagens, como as citadas no post anterior.

Alguns anos atrás, criei o CAPITÃO ALFA, e um outro personagem que se chama CAPTOR, para logo depois descobrir que outros dois grandes amigos e autores já famosos de quadrinhos tinham heróis semelhantes, eram eles BETO FOGUETE de JJ.MARREIRO e SR. SOTURNO de LORDE LOBO.

Conversando e brincando sobre o assunto, chegamo à conclusão de que certas idéias criativas vagam por aí, soltas no espaço e nossas mentes acabaram por “sintonizá-las” e convertemos isso em criações, cada um ao seu modo.

Com isso nasceram o BETO FOGUETE e o CAPITÃO ALFA, dois patrulheiros espaciais brasileiros. E dois heróis assustadores, com máscaras de caveira, e que existiram por volta da mesma época, os anos 1940, o SR. SOTURNO e o meu CAPTOR, tudo isso saindo de três mentes diferentes sem nunca termos comentado nada uns com os outros.

ARTE FEITA POR LORDE LOBO sobre um confronto entre nossos personagens.

ARTE FEITA POR LORDE LOBO sobre um confronto entre nossos personagens.

BETO FOGUETE o patrulheiro espacial de JJ.MARREIRO.

BETO FOGUETE o patrulheiro espacial de JJ.MARREIRO.

De uma coisa eu tenho certeza sobre meus amigos JJ.MARREIRO e LORDE LOBO, embora tenham criado seus personagens antes de mim, nunca sugeriram que eu os houvesse plagiado, mas além desse questão das coincidências, há também o fato de alguém ser muito fã de um personagem e desejar algo parecido com ele, embora com origens, poderes, visual diferentes. Eu acredito que todo mundo já fez uma versão sua de algum personagem famoso, recentemente conversando com o WATSON PORTELA, lembramos que, quando ele era criança, criara um FROGMAN, cópia descarada até no visual do Homem Aranha, assim também o CHET era um caubói calcado nos moldes do famoso TEX, caubói  italiano de BONELLI.

De modo que, embora eu me relacione muito bem com muitos autores e desenhistas nacionais, e ainda deseje muito ver meus humildes personagens viverem aventuras ao lado de personagens famosos dos quadrinhos brazucas e de nunca ter recebido um não de qualquer que fosse o autor para fazer um encontro entre eles, criei eu também vários personagens baseados em outros já existentes e que povoarão o universo do CAPITÃO ALFA, do SÓRION e outros, e os apresento agora:

O PRIMEIRO é o RAIO CÓSMICO

RAIO CÓSMICO caçador de recompensas espacial

RAIO CÓSMICO caçador de recompensas espacial

Depois de perceber que havia muitos RAIOS criados por Danilo Dias, com seu RAIO ESMERALDA, resolvi tb criar o meu, e assim nasceu este vilão.

O SEGUNDO é METEORO VERMELHO:

Este meu personagem é mestiço de humano e alienígena, e o fiz em homenagem ao METEORO de meu amigo ROBERTO GUEDES.

Este meu personagem é mestiço de humano e alienígena, e o fiz em homenagem ao METEORO de meu amigo ROBERTO GUEDES.

E O TERCEIRO é COMETA HUMANO:

O Cometa Humano, é um jovem que mora na zona norte do Recife, e que enfrenta vários dos problemas comuns às comunidades carentes de uma grande cidade.

O Cometa Humano, é um jovem que mora na zona norte do Recife, e que enfrenta vários dos problemas comuns às comunidades carentes de uma grande cidade.

Como podem ver, a grande admiração que tenho,  pelos heróis criados por meus amigos e mestres quadrinhistas JJ.MARREIRO, LORDE LOBO, SAMICLER GONÇALVES e ROBERTO GUEDES, me permitiu criar heróis que talvez um dia venham a ser tão famosos qto suas fontes de inspiração, sem jamais precisar copiar a obra de meus colegas, porém fazendo a eles uma homenagem e dando aos leitores a oportunidade de conhecer novas possibilidades, novos universos.

personagem criado por ROBERTO GUEDES.

personagem criado por ROBERTO GUEDES.

personagem criado por SAMICLER GONÇALVES.

Bem amigos, torço muito para que todos os brasileiros que amam quadrinhos e que tenham uma idéia para um universo inteiro, sim porque mesmo que vc crie apenas um personagem, surge com ele todo um universo de coadjuvantes, passem a de fato colocar pra fora todas as suas idéias. Não se preocupe se já existe algo parecido, crie o seu e dê vida a ele, em algum momento de sua história ele irá se distanciar daquele que parece com ele. Mostrem seus personagens e acima de tudo,contem as suas histórias, porque como já disse meu amigo LORDE LOBO, um personagem só existe qdo suas histórias são contadas, sejam no papel ou on line! GRANDE ABRAÇO A TODOS!

QUADRINHOS NACIONAIS SÃO INCRÍVEIS!

Há quem pense que o título desse post não tem cabimento, afinal tudo o que fazemos aqui no Brasil em matéria de quadrinhos, de roteiros a desenhos e personagens são simples cópias do que é feito lá fora certo?

Bem, quero falar um pouco sobre essa idéia tão comum entre os leitores de quadrinhos em nosso país, eu mesmo já fui um desses muitos anos atrás.

Ministrei uma oficina de desenho no evento OMAKE, aqui no Recife PE, e foi muito legal ver tanta gente que nem se imagina fazendo quadrinhos, descobrindo suas capacidades criativas com desenho. Mas o que quero destacar é que comprei uma revista, que me deixou muito feliz!

Trata-se da edição 3 da METEORO COMICS de ROBERTO GUEDES,  que devo salientar como um dos melhores autores sobre quadrinhos que já li! Bem, li a edição e fiquei muito satisfeito, com o roteiro do Guedes, e com os desenhos do Marcelo Borba, mas especialmente com os detalhes dos bastidores, que o Guedes inteligentemente colocou não só  no editorial, como também no fim da edição, no artigo A LIGAÇÃO ENTRE METEOROS E ARACNÍDEOS.

Guedes nos coloca a par de um detalhe que é muito curioso e tem a ver com a frase no começo deste artigo. Quem olhar para a capa de METEORO COMICS 3, poderá logo torcer o nariz e resmungar:  ” Lá vem mais uma cópia do homem aranha, venom, ou carnificina, esses autores nacionais não criam nada, e só fazem copiar os craques dos comics!” e com esse raciocínio tosco e tendencioso, perder de ler essa ótima hq, além de perder de aprender mais sobre quadrinhos.

Como já disse antes, hoje eu não faço mais isso, e aumentei minha coleção de ótimos quadrinhos nacionais de super-heróis, além de aprender que nossos quadrinhos são tão bons qto qualquer hq estrangeira. Porque digo isso, porque no artigo citado acima, sobre aranhas e meteoros, Guedes explica como e porque criou o ARANHA LUNAR.

O ARANHA LUNAR nesta edição!

O ARANHA LUNAR nesta edição!

Foi curioso ver como nasceu o personagem, baseado em um sósia famoso, não, não se trata do HOMEM ARANHA da Marvel, mas sim no ARANHA NEGRA da DC !

Mais curioso ainda é ver como o Aranha Negra nasceu e foi assim: uma edição de BATMAN da extinta EBAL, trazia uma hq da edição DETECTIVE COMICS463 onde o cavaleiro das trevas enfrentava um personagem que lembrava o cabeça de teia americano, e o Justiceiro da Marvel, na verdade, um amálgama dos dois!

Ora, se alguém visse isso acontecer por aqui, seria certamente acusado de copiar descaradamente o trabalho dos outros, mas vejamos o que Roberto Guedes nos explica.

O SÓSIA DO HOMEM ARANHA.

O SÓSIA DO HOMEM ARANHA.

Após trabalhar na Marvel, com hqs do Homem Aranha, e criar o terrivel Justiceiro Frank Castle, Gerry foi para a DC e assumiu o Batman. Junto com JULIE SCHWARTZ, criaram o Aranha Negra, para provocar a Marvel. O resultado foi uma hq empolgante, inclusive porque muitos fãs, se não todos,devem ter pensado o mesmo que e: ” UAU, seria mais ou menos assim um encontro entre o BATMAN E O HOMEM ARANHA!”

O que quero destacar é que, assim como eles, que criam, copiam e fazem cópias novamente,  nós  também podemos lançar mão desses recursos e construir um universo de hqs empolgante.

Não, esse não é o Homem Aranha.

Não, esse não é o Homem Aranha.

 Jamais incentivo lançar mão de coisas como copiar descaradamente o trabalho de outros e roubar seus méritos, porém há uma diferença entre copiar e se basear no trabalho daqueles que admiramos.

Sim porque, a grande maioria dos super heróis,  parecem com SUPERMAN, BATMAN E MULHER MARAVILHA, isso só para citar os três grandes de DC.

O Gerry Conway confirmou em entrevista com o Guedes, que havia feito uma homenagem ao Aranha da Marvel e do Justiceiro. Porque eu então não posso fazer isso e basear meu personagem em outro já existente, sem cair na fúria mortal dos fãs?

Simples, bastava não ser autor nacional e eu certamente seria ouvido pela maioria dos fãs.

PÁGS DE METEORO COMICS 3

Eu por exemplo, tenho vários personagens baseados em outros já existentes, e falarei sobre eles num post futuro, mas novamente chamo a atenção para isso:Compre material nacional de quadrinhos e curta, pois são muito bons, porém jamais julgue uma hq nacional pela capa apenas, fale com a equipe criativa se tiver chance e compreenda que os autores podem fazer suas homenagens , até mesmo criar personagens e só depois disso é que percebem o quanto são parecidos com outros daqui ou de fora.

Faça como eu fiz anos atrás, dê a voce mesmo a oportunidade de conhecer um universo totalmente novo, compre os quadrinhos nacionais e curta, além de ajudar a criar um mercado, quem sabe vc não estará ajudando um Stan Lee tupiniquim a crescer e aparecer?

IMAGENS DA NOVA HQ DO CAPITÃO ALFA !!

Depois de disponibilizar a primeira hq do Capitão Alfa, estamos postando imagens da segunda hq do nosso herói do espaço, nessa hq, o patrulheiro mais famoso da FEEB, se depara nos confins do universo com uma rainha ditadora chamada Naranda, que escraviza várias raças, para que sirvam de diversão para ela na ARENA DA MORTE!

O Capitão Alfa em patrulha, acaba encontrando naves em combate!

O Capitão Alfa em patrulha, acaba encontrando naves em combate!

Nesta hq, que será apresentada primeiro em PRETO e BRANCO, nosso herói encontrará um verdadeiro desafio para sua coragem! Estamos também preparando uma surpresa para nossos leitores, que é disponibilizar essa mesma edição, TOTALMENTE EM CORES, preparadas pelo INSANO E INOXIDÁVEL, CONSELHEIRO DE ASSUNTOS ESPACIAIS, ninguém mais que ele, o criador da estonteante Mulher Estupenda, JJ.MARREIRO!

 

CAPITÃO ALFA - NARANDA - PÁG.1 cores JJ.MARREIRO

Do mesmo modo, essa edição se torna ainda mais especial, visto que teremos como letrista dessa edição, o homem gráfico, capaz de fazer toda uma revista de quadrinhos sozinho, sim ele, o INSUPERÁVEL, SANDRO MARCELO, criador do CONVERSOR e dos INVULNERÁVEIS!

Planetas desconhecidos, civilizações perdidas, ameaças estarrecedoras, nada detêm nosso herói!

Planetas desconhecidos, civilizações perdidas, ameaças estarrecedoras, nada detêm nosso herói!

Sim amigos e amigas leitores, é por isso que vc não pode deixar de acompanhar as aventuras desse desbravador incansável das galáxias, o destemido, CAPITÃO ALFA, mais um herói nacional mostrando que somos incríveis também produzindo quadrinhos de qualidade! GRANDE ABRAÇO, CURTAM E COMENTEM!

PRIMEIRA HQ DO CAPITÃO ALFA!

Como prometi no post anterior, estou disponibilizando a hq de estréia do CAPITÃO ALFA, onde ele encontra um de seus maiores adversários, HOLLOG, o superandróide, que tem sonhos de dominação da galáxia, e para isso domina a mente dos habitantes do planeta KOBI, e deseja se aproveitar de sua índole pacífica, e de sua avançada tecnologia, para criar um exército invencível de seres semelhantes a ele.

Uma hq simples de estréia, onde o final guarda um segredo que só será revelado numa futura hq que estou preparando. O que será?

Hoje sei que são muitos os desafios de se fazer hqs e mostrá-las ao público, e mais ainda de criar um público que curta e aguarde as nossas histórias, mas para isso acontecer é preciso não desistir e é o que me proponho aqui.

Mostrar minhas hqs, minha arte, e meus personagens, com suas cronologias e características.

Em breve espero seguir o excelente exemplo de meu amigo SANDRO MARCELO, do SANIVERSO, e postar os model sheets de meus personagens tb, para que todos curtam.

GRANDE ABRAÇO A TODOS E CURTAM AÍ, ALÉM DE COMENTAR!

Versão definitiva do uniforme do CAPITÃO ALFA.

Versão definitiva do uniforme do CAPITÃO ALFA.

CAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 03CAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 04CAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 05CAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 06CAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 07CAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 08CAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 09CAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 10 EXPEDIENTECAPA CAPITÃO ALFA 2007 PÁG 11 ULTIMA CAPA

CAPITÃO ALFA criado por JOSÉ CARLOS BRAGA CÂMARA

EDIÇÃO E LETRAS por MICHELLE RAMOS – ZINE BRASIL

CORES DA CAPA por ASSIS LEITE

Primeira HQ do CAPITÃO ALFA no ZINE BRASIL

Em 2007 criei o CAPITÃO ALFA, para publicar no ZINE BRASIL, de Michelle Ramos, madrinha dos quadrinhos nacionais, como nós carinhosamente a chamamos, não lembro bem o motivo, mas a muito tempo eu desejava ter algo publicado, e dar vida a um personagem meu.

alfa 1 color

Michelle topou a parada, de mostrar pela primeira vez uma hq dele, e foi editora, fazendo o primeiro logo do Capitão, e letreirando a hq. Também ficou responsável por providenciar um artista que colocasse as cores no meu desenho de capa, este sim com o visual diferente do colocado acima, e versão definitiva de seu uniforme.

Versão definitiva do uniforme do CAPITÃO ALFA.

Versão definitiva do uniforme do CAPITÃO ALFA.

Essa tarefa ficou a cargo do talentoso artista ASSIS LEITE, que transformou um simples desenho, numa capa muito atraente.

A proposta das hqs do CAPITÃO ALFA, é que sejam simples, mas empolgantes, que divirtam e se possível passem alguma mensagem positiva, mostrando para seus leitores que os heróis devem sempre lutar pelo bem, e que o mal jamais deve prevalecer. A inspiração para ele, vem de vários heróis diferentes, mas que estão muito longe dos heróis amorais de hoje, que possuem um código de justiça onde cada um é juiz, juri e executor.

Criei toda uma gama de personagens para contracenar com ele, que é o primeiro membro da FEEB – Força Expedionária Espacial Brasileira – a conquistar o título de CAPITÃO ALFA, por sua bravura em ação,  e no expediente desta hq on line, faço citação a uma personagem para a qual ainda nem havia bolado um visual, mas que sabia que seria importante para as hqs do herói, a também Capitã Alfa, SELENE ARGO, brasileira e segunda pessoa a possuir o título de Alfa.

Capitã Alfa SELENE ARGO

Capitã Alfa SELENE ARGO

Bem, espero que o meu querido CAPITÃO ALFA tenha vida longa e próspera (rs) e que enriqueça o universo dos quadrinhos nacionais, divertindo várias gerações de leitores!  No próximo post, disponibilizo aqui no blog a primeira hq colocada no ZINE BRASIL.

QUADRINHOS SÃO ARTE!

novssima5[1]

1-Detective-Comics-271

45-1

206166_430867266957156_2122715528_n

534874_416347148409168_1653851493_n

Judoka_39É uma pena que pessoas ainda pensem que HISTÓRIAS EM QUADRINHOS são “coisa de criança”, muito embora as crianças mereçam que façamos histórias cada vez mais inteligentes, divertidas e que ensinem algo bom, sem dúvida as hqs são uma arte que desconhece fronteiras, sejam elas geográficas, ideológicas ou cronológicas.
Tanto é que o cinema, o teatro e a tv hoje, tomam os quadrinhos como fonte de inspiração, assim como as hqs fazem o mesmo com eles, Por isso, antes de desconsiderar uma história em quadrinhos como bobagem, ou seus autores como gente que não tem o que fazer, dê a você mesmo uma chance de descobrir verdadeiras maravilhas feitas de texto e imagens incríveis, leia com atenção uma história em quadrinhos, e antes de mais nada, divirta-se, emocione-se, questione-se, enfim, curta esses momentos de prazer.